5 razões para o sindicato aderir ao marketing digital

Instituições e empresas de diversos setores estão adotando estratégias digitais para atrair mais pessoas e se modernizar. É possível participar do movimento da transformação digital de maneira planejada.

Você já ouviu falar sobre marketing digital? Esse termo está cada vez mais comum entre os profissionais de empresas que querem se adequar à atualidade. Que fique bem claro: essa não é uma onda passageira. De acordo com a pesquisa Digital Adspend 2018 da IBA Brasil (Interactive Advertising Bureau), o investimento em publicidade digital no Brasil em 2017 foi de R$14,8 bilhões. O número registra um aumento de 25,4% em relação ao ano de 2016.

Algumas das causas para esse crescimento residem na criação de consciência da importância do universo online e no alto volume de consumidores de conteúdo e produtos online. Segundo o Ebit, site que mede a reputação das lojas virtuais, em 2017 o comércio eletrônico demonstrou um crescimento de 7,5% em relação ao ano anterior.

E por que não investir nesse setor para aumentar a visibilidade do seu sindicato? Para mostrar ainda mais o poder das plataformas digitais, reunimos 10 motivos para começar o marketing digital agora mesmo. Acompanhe!

5 motivos para começar o marketing digital no seu sindicato

Confira as principais razões para o seu sindicato mergulhar na era digital.

1. Inovação

Participar da transformação digital traz o sindicato para um patamar de inovação. Para começar, você pode criar uma landing page para atrair pessoas que estão interessadas em se associar. A página deve conter somente os dados mais relevantes a respeito do sindicato e quais são os benefícios mais chamativos para os membros. No fim dela há um formulário em que o interessado pode deixar o nome, e-mail e telefone, aceitando receber mais informações.

Falando somente de redes sociais, de acordo com a pesquisa Social Media Trends 2018 da agência Rock Content, mais de 60% das empresas com presença nesses espaços digitais acreditam que estes têm um papel muito importante para os negócios. Entre os motivos para estarem nas plataformas online está a visibilidade e a interação rápida com o público.

Imagine quantas novidades e informações de destaque que o seu sindicato pode colocar nas redes sociais, promovendo a comunicação e incentivando o engajamento por meio de curtidas, comentários e mensagens privadas.

2. Visibilidade

Com a construção correta do conteúdo, um site ou landing page, perfil nas redes sociais e o envio do e-mail marketing são algumas das formas digitais que contribuem para mais visibilidade em sites de busca, tais como o Google e o Bing.

3. Propriedade

Quando você é a fonte da informação é mais fácil controlar o que deve ficar exposto nos meios online a respeito dos assuntos do sindicato. Além dessa administração, você se torna a referência na área.

4. Análise

As plataformas digitais permitem a verificação ágil e assertiva do que está acontecendo. É possível conferir se as ações estão sendo efetivas e se estão trazendo retorno sobre investimento. Com o tempo, é interessante criar métricas e metas que possam avaliar conteúdos futuros com base no que está acontecendo no presente.

5. Tendências

Seguir todas as tendências do meio digital pode ser cansativo, pois elas surgem a todo o momento, porém é interessante avaliar quais são as melhores. Para o ano de 2018, o marketing de influência está em alta, por exemplo. O método consiste em transformar especialistas em determinado assunto em pessoas influentes. Não é preciso ser necessariamente o diretor do sindicato, pode ser um associado engajado, publicando imagens e vídeos dele aproveitando os benefícios da instituição.

Você já viu uma janelinha que aparece quando entra em alguns sites? Pois esse é o chatbot, outra tendência! Um relatório da Grand View Research indica que o mercado desse serviço será de US$ 1,23 bilhão em 2025. Quando bem configurada, essa ferramenta é capaz de responder muitas dúvidas básicas, reforçando a preocupação do sindicato com o atendimento.

Para finalizar os assuntos da moda, as transmissões ao vivo do Facebook podem mostrar porta-vozes comunicando novidades e respondendo as dúvidas dos associados em tempo real. Além de criar proximidade, o processo ainda pode trazer ideias a respeito de ações que os associados desejam.

5 passos para desenvolver o planejamento estratégico

Antes de colocar o pé no acelerador para começar a trabalhar com o marketing digital, lembre-se do planejamento. De nada adianta desenvolver conteúdo para um site e redes sociais se você não tiver uma estratégia estruturada. Pode confiar que começar de forma desorganizada só traz problemas maiores mais tarde.

Para iniciar este processo, recomendamos que siga o passo a passo abaixo:

1º passo: Entenda seu público-alvo
Para se aprofundar nessa questão é essencial conhecer os associados. Mais do que entender em qual empresa trabalham, idade, situação sócio-demográfica, pesquise pelas necessidades deles. Faça uma entrevista e pergunte sobre quais são os problemas profissionais que estão passando agora e como a indústria está ajudando ou não na resolução deles. Além disso, busque compreender quais são os aspectos que ainda não são problemáticos, mas que o sindicato pode contribuir.

2º passo: Capacite sua equipe
Ainda não é todo profissional que tem experiência com marketing digital. Antes de simplesmente dar esse papel a alguém, é importante mostrar a essa pessoa que o sindicato disponibiliza algumas horas do dia para o estudo do assunto e que também está disposto a entender que há uma curva de aprendizagem.

3º passo: Experimente suas possibilidades
É fundamental entender que as plataformas digitais mudam com mais facilidade e rapidez do que o mundo offline. Mesmo uma estratégia digital bem estruturada pode sofrer com mudanças ocasionadas pelo contexto social, conjuntura econômica e problemas internos não previstos. O ideal é experimentar até encontrar o modelo de conteúdo que mais se encaixa com as necessidades do seu sindicato e dos associados e estar preparado para alterações repentinas.

4º passo: Faça conteúdo com regularidade
Os espaços digitais necessitam de atualizações e de otimizações com frequência. Por isso, não crie canais digitais que ainda não tem certeza de que conseguirá atualizar. Caso você não tenha time que possa fazer isso diariamente, é ideal criar uma rotina e estabelecer prazos. Por exemplo, alterar as notícias do site uma vez por semana, publicar um novo post nas redes sociais duas vezes por semana e enviar um e-mail a cada 15 dias.

5º passo: Esteja atualizado
De nada adianta desenvolver um planejamento, ter um site, estar presente nas redes sociais e criar conteúdo com regularidade e não estar atenado com as novidades da sua própria área e do mundo digital. Para ficar sempre atento ao que está acontecendo em volta, busque por notícias em grandes portais do setor e converse com pessoas da área.

Sua vez
Agora que você já sabe do poder das plataformas digitais e como usá-las com inteligência é hora de começar o trabalho! Não perca mais tempo para participar dessa revolução online. Se ficar alguma dúvida é só escrever abaixo nos comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *